CASES

Precisamos falar com os homens?


ONU Mulheres

content

report


research

"Precisamos falar com os homens?" foi um estudo que nasceu de um desafio urgente: como aproximar os homens da discussão pela igualdade de gênero?

Como aproximar homens e meninos da discussão pela igualdade de gênero?

Juntamente à ONU Mulheres e ao portal PapodeHomem, mergulhamos nesse tema, enraizado no sistema de crenças atual, decididos a transformar uma realidade que conhecemos profundamente no nosso processo de pesquisa: para grande parte da população brasileira, a igualdade de gênero ainda é um assunto distante. O resultado foi muito além de um trabalho icônico na história da Questto|Nó.

Partimos de alguns gatilhos temáticos como o empoderamento feminino e a desconstrução do machismo para investigar cenários e encontrar caminhos futuros e viáveis. Mas, para convocar a sociedade a adotar novas perspectivas de comportamento, precisamos primeiro entender o que norteia as visões de mundo atualmente: ouvimos mais de 150 pessoas nas ruas de São Paulo, Rio de Janeiro e Recife, além de estudiosos e profissionais com atuação relacionada ao tema. Junto à Zooma, uma pesquisa quantitativa também foi feita com mais de 20 mil respondentes, para dimensionar a relação que os brasileiros têm com o tema, tentando descobrir representações culturais dos sexos, violência e percepção de gênero.

Desse processo, nasceu um relatório que aponta para a construção de novas narrativas e um documentário que procurou tornar a reflexão mais acessível. O vídeo foi produzido pela Monstro Filmes e está disponível no canal ONU Mulheres Brasil no Youtube.

“O homem precisa reconhecer que muitas das suas ações e valores estão pautados em um modelo antigo de crenças e atitudes. Ser forte e sensível ao mesmo tempo não é algo contraditório. É apenas mais uma maneira de ser. Ao entender que a pressionar as mulheres é uma consequência da prisão da masculinidade e que atributos femininos e masculinos estão presentes em todos nós, qualquer homem tem a permissão de recriar sua própria receita do que é ser homem no mundo de hoje.”Gustavo Rosa Silva, diretor de pesquisa e estratégia da Questto|Nó.

Até a edição deste texto, o documentário tinha 55.529 visualizações no Youtube, além de ter sido exibido em inúmeras sessões coletivas Brasil afora, o que fortalece a campanha mundial #ElesPorElas, da ONU Mulheres, e amplia a visibilidade de uma discussão tão urgente em todas as camadas da sociedade.

Ficha técnica:

Concepção e implementação: PapodeHomem e Questto|Nó

Uma iniciativa: ONU mulheres e PapodeHomem

Realização do documentário: Monstro Filmes e Questto|Nó

Produção executiva: PapodeHomem

Pesquisa qualitativa: Questto|Nó

Pesquisa quantitativa: Zooma

Viabilização: Grupo Boticário

 

manual-genero
manual-capitulo-2
manual-capitulo-1